Psicanálise e política: as escritas do ódio | 28 a 30/11/2016 Imprimir E-mail
Notícias - Eventos

V Colóquio Internacional Escrita e Psicanálise
III Colóquio Psicanálise e Sociedade: clínica, cultura e política

|
Dia 28 de novembro de 2016, das 8h30 às 18h.
Dia 29 de novembro de 2016, das 8h às 18h.
Dia 30 de novembro de 2016, das 8h às 13h.

Programa:

Segunda-feira – 28 de novembro de 2016: 8h

Abertura: Direção do Instituto de Psicologia e Coordenação da Pós-graduação e Graduação em Psicologia Clínica do IP-USP. Coordenadores do evento.

|

Escritas do ódio: 8h30 – 10h30

Ana Costa (UERJ) – A propósito da posição cínica.

Miriam Debieux Rosa (PSOPOL/USP/PUC-SP) – Licença para odiar: uma questão para a psicanálise e política.

|

10h30 – 12h

Heloisa Caldas (UERJ) – Sobre sexismo e racismo

Paulo Endo (USP): Enunciar o político.

  • Coordenação: Sandra Alencar (PSOPOL/USP)

|

Ódio e política - 14h – 16 h

Eduardo Leal(UFS) – Ódio e identidade

Ivan Estevão (USP, PSOPOL/USP) Responsabilidade e indignação: entre Weber e a psicanálise

Vladimir Safatle (USP) – O indivíduo como internalização do medo: uma teoria das regressões políticas em democracias liberais

  • Coordenação: Rodrigo Alencar (PSOPOL/USP)

|

16h – 18h

Doris Rinaldi (UERJ) – Ódio, paixão contemporânea

Marta Cerruti (PSOPOL/USP ; Sedes) – Errâncias racionais: o rap inscrevendo as margens no circuito da cidade.

Derek Humphreys (Université de Paris 13) – Trauma, inscription, temporalité. Chutes et rechutes du rideau de fer. 

  • Coordenação – Aline de Souza (PSOPOL/USP)
  • Tradução – Camila Issa (Diderot Paris VII; PSOPOL/USP)

|

19h30- Lançamento do livro: A clínica psicanalítica face ao sofrimento sociopolítico. Miriam Debieux RosaEditora escuta - Bar Balcão: Rua Melo Alves, 150. Jardim Paulista

|

Terça Feira – 29 de novembro de 2016

Ódio e phatos

8h – 10h

Eric Bidaud (Universidade Paris 13) – Haine de l’écriture et écriture de la haine

Emília Broide (PSOPOL/USP, doutoranda) – O que é o ódio? De onde ele vem?

Esteban Adiszcz (Chile) – Maldecir el padre... maldecir la lengua

  • Coordenação: Carolina Bertol (PSOPOL/USP)
  • Tradução – Liana Driga (PSOPOL/PUC-SP)

|

10h – 12h

Luciano Elia (UERJ) –A letra e o ódio.

Sergio Prudente (PSOPOL/USP - pós-doc) – As fraternidades de corpo e seus afetos.

Ana Luiza Andrade (UFSC) A pele da escrita: o grito abafado do exílio e da impotência.

  • Coordenação Tiago Sanches (PSOPOL/USP) e Pedro Seincman (PSOPOL/PUC-SP)

|

Ódio e segregação

14h – 16 h

Daniel Coelho(UFS) – A cultura da paz

Jorge Broide (PUC-SP) – A psicanálise nas situações sociais críticas: o trabalho clinico junto às populações afetadas pela violência do Estado.

Oscar Cesaroto (PUC-SP) – Sobre a pulsão de domínio.

  • Coordenação Diego Penha (PSOPOL/PUC-SP) e Mariana Belluzzi Ferreira (PSOPOL/PUC-SP)

|

16h – 18 h

Ana Musatti (PSOPOL/USP) – Racismo e sexismo: sobre os desafios para tornar-se uma mulher negra.

Ilana Mountian (USP/CAPES pós-doc; PSOPOL/USP)Ódios no contemporâneo: (in)visibilidades daxenofobia, racismo e sexismo .

Rita Manso de Barros (UERJ) – Ódio ao feminino

  • Coordenação: Priscilla Santos (PSOPOL/USP)

|

Quarta-feira – 30 de novembro de 2016.

Efeitos coletivos do ódio

8h – 10 h

Adela Stoppel de Gueller (SEDES) – Respostas coletivas às intrusões no erotismo.

Patricia Ferreira-Lemos (PSOPOL/USP - pós-doc) Da promessa de emancipação à disseminação do ódio: redes sociais e política.

Caterina Kolta1 (SP) – Ódio da política, políticas do ódio.

  • Coordenação Gabriel Bartolomeu (PSOPOL/USP)

|

10h –12h

João Angelo Fantini (UFSCAR) Raízes da Intolerância: o que o outro tem de tão especial?

Pablo Castanho (USP) A hipótese de um ‘vínculo de libertação’ como destino sublimatório da pulsão de domínio.

Hakima Megherbi(Université de Paris 13) – Comprehension de l’écrit: le rôle du langage oral au cours du devéloppement.

  • Coordenação – Marta Okamoto (PSOPOL/PUC-SP)
  • Tradução – Ana Gebrin (PSOPOL/USP) e Camila Issa(Diderot Paris VII; PSOPOL/USP)

|

14h – 17h
Diálogos
sobre a vontade de potência: resgate de um projeto de Otto Gross com Franz Kafka.

  • Moderador:Marcelo Checchia (doutor pelo IPUSP)

Arthur Bueno (Pós-doc Universidade de Erfurt e pesquisador Cebrap) : Economia monetária, economia psíquica: Simmel e Freud
Christian Dunker (IP-USP) O problema da potência em Freud
Jean Tible (Ciência Política-USP) - Clastres e nós
José Palumbo (USP doutorando) : Sobre o único e sua propriedade
Ricardo Musse (Sociologia- USP): sobre o conceito de dominação em Marx.

|

Vagas limitadas

|

O Colóquio dará seguimento às discussões atuais voltadas para a temática do ódio e fenômenos relacionados tais como fundamentalismo, fanatismos, guerras, e violência dentro da perspectiva do laço social.

ORGANIZAÇÃO:

Rede de Pesquisa Escrita e Psicanálise – UERJ

Laboratório Psicanálise e Sociedade – PSOPOL/ USP

Núcleo de Pesquisa Psicanálise e Política- PSOPOL/PUC-SP

Em nossos dias vivemos condições limites que colapsam um tempo de pensar, instituindo a pressa e a passagem a ato. Fundamentalismos, fanatismos, guerras, golpes de estado e violência ocupam o centro das notícias globais. Este Colóquio pretende levantar uma série de indagações sobre manifestações contemporâneas de violência, em que o ódio passa ao centro da cena. O evento coloca-se como uma tentativa de escandir os tempos e produzir debates entre pesquisadores, que possa resultar numa intervenção mais ampla no laço social. Numa organização conjunta do Laboratório Psicanálise e Sociedade (USP), Núcleo de Pesquisas Psicanálise e Política (PUC-SP) e a Rede de Pesquisa Escrita e Psicanálise (UERJ), o colóquio reúne pesquisadores de universidades brasileiras, latino-americanas e francesas para debater amplamente o tema.

Coordenação Geral e Comissão científica: Ana Medeiros da Costa (coord.) /Doris Rinaldi(coord.)/Emília Broide/ Miriam Debieux Rosa(coord.)/Marta Cerruti/ Sandra Alencar/ Sergio Prudente.

Comissão Executiva: Ana Gebrin/ Aline Souza/ Camila Issa/Carolina Bertol/Diego Penha/Gabriel Bartolomeu/ Liana Driga/Pedro Seincman/ Mariana Belluzzi Ferreira/Marta Okamoto/Priscilla Santos/Tiago Sanches.

|

Local: Instituto de Psicologia da Universidade de São Paulo
Auditório Carolina Bori, Bloco G
Inscrições: 
https://goo.gl/forms/JtnyFlYOJc6Ej5pi1

|

ORGANIZAÇÃO:

Rede de Pesquisa Escrita e Psicanálise – UERJ

Laboratório Psicanálise e Sociedade – USP
Núcleo de Pesquisa Psicanálise e Política- PUC-SP

Convidados Internacionais (a confirmar): Christian Hoffman (Université de Paris VII – França); Derek Humphreys (Université Paris 13 - França); Esteban Radiszcz (Universidad de Chile); Eric Bidaud (Université Paris 13 - França); Hakima Megherbi (Université Paris 13 – França); Roberto Aceituno (Universidade do Chile).

|

Convidados Nacionais : Adela Stopel de Gueler (SEDES – SP); Ana Costa (UERJ – RJ); Ana Luiza Andrade (UFSC); Ana Paula Mussatti Braga ( Laboratório Psicanálise e Sociedade – USP); Caterina Koltai (SP); Daniel Coelho (UFAL): Doris Rinaldi (UERJ - RJ); Eduardo Leal (UFAL); Jorge Broide (PUC – SP); Luciano Elia (UERJ); Marta Cerutti (USP e Sedes ); Mauro Mendes Dias (Instituto Vox - SP); Miriam Debieux Rosa (USP- SP); Oscar Cesarotto (PUC – SP); Paulo Endo – (USP – SP); Sérgio Prudente (Laboratório Psicanálise e Sociedade USP – SP); Vladimir Safatle (USP – SP), entre outros.

 


Instituto de Psicologia da USP

Av. Prof. Mello Moraes 1721
CEP 05508-030
Cidade Universitária - São Paulo - SP

Your are currently browsing this site with Internet Explorer 6 (IE6).

Your current web browser must be updated to version 7 of Internet Explorer (IE7) to take advantage of all of template's capabilities.

Why should I upgrade to Internet Explorer 7? Microsoft has redesigned Internet Explorer from the ground up, with better security, new capabilities, and a whole new interface. Many changes resulted from the feedback of millions of users who tested prerelease versions of the new browser. The most compelling reason to upgrade is the improved security. The Internet of today is not the Internet of five years ago. There are dangers that simply didn't exist back in 2001, when Internet Explorer 6 was released to the world. Internet Explorer 7 makes surfing the web fundamentally safer by offering greater protection against viruses, spyware, and other online risks.

Get free downloads for Internet Explorer 7, including recommended updates as they become available. To download Internet Explorer 7 in the language of your choice, please visit the Internet Explorer 7 worldwide page.