Ouvidora
Professora Maria Inês Assumpção Fernandes
ouvidoriaip@usp.br

 

A Ouvidoria acolhe dos membros da comunidade manifestações a respeito de questões, reclamações, conflitos e outros problemas não solucionados pelos canais regulares de atendimento, analisando-os e procurando atuar na busca de soluções apropriadas para cada caso.
A Ouvidoria também pode receber reclamações e denúncias vindas de membros externos à comunidade, contanto que digam respeito aos serviços que a instituição presta.
Não é função da Ouvidoria do Instituto de Psicologia informar sobre serviços prestados pelo IPUSP nas suas variadas atividades de ensino, pesquisa e extensão. Tais informações deverão ser procuradas no site do Instituto de Psicologia da USP, escolhendo-se o serviço sobre o qual se quer informações.

Como preparar manifestações para a Ouvidoria do IP

As manifestações dirigidas à Ouvidoria devem:

1. ser feitas por escrito;
2. ser identificadas;
3. conter todas as informações necessárias para a análise do caso e, se necessário, acompanhadas de documentações ou imagens;
4. conter informação para contato (endereço, número de telefone ou endereço eletrônico) para que a Ouvidoria possa entrar em contato, se for o caso, e solicitar informações suplementares ou sugerir um encontro com o autor da manifestação;
5. é garantida a confidencialidade das informações transmitidas à Ouvidoria.

Contato com a Ouvidoria do IP

1. os interessados em utilizar a Ouvidoria do Instituto de Psicologia da USP poderão agendar pelo e-mail ouvidoriaip@usp.br para atendimento pessoal.
2. o dia de atendimento (com agendamento prévio) será às segundas-feiras, das 14h às 17h, na sala do Centro de Memória do Instituto de Psicologia, situada na Biblioteca Dante Moreira Leite, 1º andar – Av. Prof. Mello Moraes, 1721, Cidade Universitária, São Paulo, SP.

Ouvidoria da USP

Existe também uma Ouvidoria da USP que assim é por ela apresentada: a Ouvidoria de Serviços Públicos na Reitoria da USP. Foi criada pela Resolução USP 4.827, de 29/03/2001, em cumprimento à Lei no 10.294, de 20/04/1999, que dispõe sobre a proteção e defesa do usuário público do Estado de São Paulo. Cabe à Ouvidoria de Serviços Públicos da USP avaliar a procedência de sugestões, reclamações e denúncias de natureza administrativa, encaminhando-as às autoridades competentes, visando à:

– melhoria dos serviços;

– correção de erros, omissões, desvios ou abusos na prestação de serviços;

– apuração de atos de improbidade e de ilícitos administrativos;

– prevenção e correção de atos e procedimentos incompatíveis com o direito à informação e à qualidade na prestação dos serviços, na forma da lei;

– proteção dos direitos dos usuários.


Lembre-se: para informações sobre serviços, escreva diretamente para o contato do serviço em questão.
A Ouvidoria do Instituto de Psicologia não informa sobre serviços prestados pelo IPUSP.