Departamento de Psicologia da Aprendizagem, do Desenvolvimento e da Personalidade
Linhas de Pesquisa: Avaliação Psicológica. Sofrimento humano. Adaptação e Evolução Clínica. Processos Psicossociais. Construção e Validade de Testes. Escalas e Outras Medidas Psicológicas. Tratamento e Prevenção Psicológica.
Telefone: 55 11-3091-4355 | Fax: (11) 38138895
edamc@cebinet.com.br | Lattes | Google Acadêmico

Possui graduação em Psicologia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1968) e doutorado em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano pela Universidade de São Paulo (1973). Atualmente é professora assistente doutora da Universidade de São Paulo e professora titular da Universidade Metodista de São Paulo. Tem experiência na área de Psicologia, com ênfase em Construção e Validade de Testes, Escalas e Outras Medidas Psicológicas, atuando principalmente nos seguintes temas: avaliação psicológica, comunidades isoladas, violência, saúde e qualidade de vida. Com estes temas tem atuado como consultora para avaliação de projetos e publicações, orientação de trabalhos de conclusão de curso, dissertações e teses, participado de bancas examinadoras, apresentado trabalhos em eventos nacionais e internacionais e publicado artigos e capítulos de livros.

Avaliação Psicológica

Avaliação psicológica tem sido a tônica de minha atividade como pesquisadora e professora. Tenho me interessado pelo estudo dos testes, pelas pesquisas de validação, padronização, normas e pelos problemas relativos à avaliação diagnóstica. Várias são as técnicas por mim já investigadas, entre elas a MAS de Taylor, o PMIK, o FIRO-B, Bender, Machover, Matrizes Progressivas Coloridas de Raven, conhecido entre nós como Raven Infantil ou Escala Especial. Agora, retomando meu interesse pelas escalas e inventários na avaliação da personalidade, comecei a estudar a Auto-Estima, variável fundamental para o sucesso no processo psicoterápico, na escola, na atividade profissional, no tratamento rnédico. Na Pós-Graduação tenho me dedicado a orientar dissertações e teses referentes ao tema avaliação psicológica, em particular a avaliação psicodinâmica de crianças com queixa escolar e da sua relação com os familiares. Mas uma outra faceta de pesquisa vem crescendo que é a busca de conhecimento na área Institucional/Comunitária e nela a possibilidade da interrelação multiprofissional tanto na Educação quanto na Saúde. Por este motivo tenho me voltado ao estudo das representações sociais, das características de personalidade, das expectativas dos futuros profissionais – os alunos da universidade.

Projetos

A avaliação psicológica em diferentes contextos.
Avaliação Psicológica e suas relações com as mudanças teórico-práticas no desempenho profissional: história e evolução.

Laboratório

LITEP
O LITEP tem por objetivo realizar estudos e pesquisas sobre as Técnicas de Exame Psicológico, centralizar as informações sobre as mesmas, promover Congressos e Cursos ligados a esse assunto. Por se tratar de campo de atuação de professores de diversos Departamentos, tem um caráter interdepartamental (PSA, PSC e PST). As Técnicas de Exame abrangem, além dos testes psicológicos propriamente ditos, técnicas mais livres como entrevistas, observação lúdica, dinâmica de grupo, técnicas de observação, etc., que são de grande relevância para o diagnóstico psicológico

Publicações selecionadas

Angelini, A.L.; Alves, I.C.B.; Custódio, E.M.; Duarte, W.F. The São Paulo Norms for J. Raven´s Coloured Progressive Matrices – Psychological Test Bulletin, 2, (2), p.46-9, 1989.
Custódio, E.M. Prevenção da Saúde Mental em Escolas Especiais. In: Serrano-Garcia, I.; Cantera, L.M.; Miron, L., org. Memória de Psicologia Comunitária – SIP. San José, Costa Rica, 1991. Publicação XXV Congresso lnteramericano de Psicologia, p.238-48, 1995.
Custódio, E.M. O Ensino de Técnicas de Exame Psicológico, Boletim de Psicologia, n.102, p.27-38, 1995.
Custódio, E.M. Avaliação das Dificuldades de Aprendizagem: novas perspectivas para a avaliação psicoeducacional. In: Wechsler, M.S. Psicologia escolar: Pesquisa, formação e prática. Editora Alinea, Campinas, SP, p.157-76, 1996.