O Programa de Pós-Graduação em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano deu início às suas atividades em 1970 para o nível de Mestrado e em 1974 para o nível de Doutorado.

O curso foi criado por meio do Processo n. 4108/7010, aprovado em 9 de junho de 1970, sob responsabilidade do Departamento de Psicologia da Aprendizagem, do Desenvolvimento e da Personalidade (PSA).

Nesta data, a então Coordenação Central de Pós-Graduação, hoje Pró-Reitoria de Pós-Graduação, por meio de seu coordenador, Professor Paschoal Ernesto Américo Senise, aprovou o funcionamento dos “cursos de pós-graduação na área de Psicologia do Escolar, ao nível de mestrado”.

À época, o reitor Miguel Reale assinou a autorização do documento em 16 de junho 1970 e a resolução pôde ser publicada no Diário Oficial da União (D.O.U.) em 19 de junho de 1970. O nível de doutorado, por outro lado, foi aprovado em 21 de janeiro de 1974.

Atualmente, o Programa é credenciado pelo parecer n. 875/86 no Ministério da Educação e Processo CAPES n. 23.038.003.789/09.

Leia também:
40 anos de Pós-Graduação em Psicologia Escolar do Desenvolvimento do IPUSP