O plano de estudo do aluno, além de outros requisitos, compreenderá disciplinas da área de concentração em que o mesmo estiver matriculado e, se necessário, de áreas complementares. Caberá ao orientador, em conjunto com o candidato, fixar o plano de estudo, que poderá envolver vários Departamentos, Unidades ou áreas mais amplas, bem como Instituições não ligadas à Universidade.

Aluno regular de outros Programas de Pós-Graduação “stricto sensu”, fora da USP ou portador de diploma de curso superior que não tenha vínculo com Programas de Pós- Graduação “stricto sensu”, poderá se inscrever em disciplina como aluno especial, desde que autorizado pelo responsável pela disciplina.

O docente responsável por disciplina poderá autorizar, para cada turma oferecida, um máximo de quatro alunos especiais sem vínculo.

O aluno especial poderá cursar até duas disciplinas, em semestre consecutivo ou não, em Programa idêntico ou não.

Área de Concentração

O campo específico de conhecimento que irá constituir o objetivo principal dos estudos e das atividades de pesquisa do aluno.

Área Complementar

Aréa que abrange por disciplinas que não pertencem à área de concentração, mas que são consideradas necessárias para a formação do aluno. Assim, o Programa de Pós-Graduação em Psicologia Clínica conta com um elenco variado de disciplinas, a fim de assegurar a flexibilidade e ampla possibilidade de escolha. As disciplinas de áreas complementares podem ser escolhidas entre os outros Programas de Pós-Graduação, tanto os ligados à USP, como os externos à USP.

Planejamento de Disciplinas

O orientador, junto com o orientando estabelecem programa individual de estudos. Assim, o aluno logo que ingressa no Programa já tem um acompanhamento direto de seu orientador para planejar as disciplinas necessárias e desenvolver seu projeto de pesquisa que deverá resultar na sua dissertação final de Mestrado ou na sua tese de Doutorado.

Disciplinas Obrigatórias

Mestrado:

Metodologia de Pesquisa em Psicologia Clínica (Ministrada no 1º semestre nas 4ªs feiras – 12 semanas)

Introdução à Pós-Graduação: Ensino e Pesquisa

Doutorado:

Metodologia de Pesquisa em Psicologia Clínica (Ministrada no 1º semestre nas 4ªs feiras – 12 semanas)

Epistemologias em Psicologia Clínica (Ministrada no 2º semestre – 4ªs feiras por 6 semanas)

Introdução à Pós-Graduação: Ensino e Pesquisa – 2º semestre – (Essa disciplina foi concebida com o objetivo de possibilitar aos alunos de pós-graduação a possibilidade de uma experiência didática por meio da apresentação de sua pesquisa para os alunos de graduação do Instituto de Psicologia da USP. Por outro lado, os alunos de graduação poderão, por meio dessa atividade, conhecer o que vem sendo produzido no Programa de Pós-Graduação em Psicologia Clínica. Foi aberta uma disciplina optativa na graduação e cada aluno de Mestrado e Doutorado da Pós-Graduação, poderá dar uma aula, ou parte dela, com a supervisão de seu orientador).

Práticas de Orientação de Projetos (É desejável que os doutorandos de Programa de Pós-Graduação em Psicologia Clínica possam ter experiência de como ocorre o processo de orientação de Iniciação Científica ou Mestrado. O aluno de doutorado poderá participar do processo de orientação de Iniciação Científica e Mestrado realizado por seu orientador. O horário dessas atividades será combinado pela dupla orientador e orientando).

Avaliação das Disciplinas

O aproveitamento em cada disciplina será avaliado a critério de cada docente, por meio de provas, seminários, trabalhos e projetos, bem como pela participação e interesse demonstrado pelo aluno expresso pelos seguintes níveis de conceito:

A – Excelente, com direito a crédito

B – Bom, com direito a crédito

C – Regular, com direito a crédito

R – Reprovado, sem direito a crédito

O Aluno de Mestrado, Doutorado ou Doutorado Direto deverá ter 75% de frequência nas disciplinas de Pós-Graduação.

Outras normas